Skip to content

São João del Rei: a terra onde os sinos falam

30/08/2011

São João del Rei é uma das mais importantes cidades históricas de Minas Gerais, repleta de atrativos para os turistas que visitam a cidade. Além da encantadora Maria Fumaça, das igrejas centenárias e da importância para a política nacional, afinal grandes figuras como Tancredo Neves são nativos da cidade, um atrativo chama a atenção pela originalidade e peculiaridade, pois é encontrada em algumas cidades mineiras, especialmente em São João del Rei: a chamada linguagem dos sinos.

A linguagem dos sinos: avisos por meio dos toques

A linguagem dos sinos: avisos por meio dos toques

A cidade de São João del Rei é conhecida como a “terra onde os sinos falam” pois é a única cidade no Brasil onde os sinos ainda são ouvidos de dia e de noite com tantas variedades de toques. Outras cidades também mantêm a tradição, como as cidades de Ouro Preto, Mariana, Catas Altas, Congonhas, Diamantina, Sabará, Serro e Tiradentes, mas em São João del Rei a utilização dos sinos é intensa.

O Toque dos Sinos em Minas Gerais é uma tradição católica, uma linguagem que pela beleza e ameaça de extinção foi tombada em 2009 pelo IPHAN como patrimônio imaterial nacional. No dossiê apresentado ao IPHAN, consta que os sinos vêm sendo substituídos por instrumentos eletrônicos pelas dificuldades para a manutenção em diferentes momentos da liturgia católica. Além disso, sinos rachados, sem badalo ou sem local para instalação reforçavam a necessidade de alguma proteção.

Em São João del Rei os sinos ainda tocam dia e noite

Em São João del Rei os sinos ainda tocam dia e noite

Mais do que anunciar as celebrações, a tradição dos toques em Minas Gerais tem finalidade religiosa, social e de defesa civil. Muitos desses toques vieram de Portugal trazidos pelos colonos, ainda no período colonial, e outros repiques foram criados pelos próprios sineiros e transmitidos oralmente, de pai para filho. A linguagem dos sinos segue um conjunto de regras litúrgicas, mas deixa certa liberdade para a intervenção do sineiro.

Entre os mais conhecidos tipos de toques são Ângelus, exéquias, cinzas, finados, passos, treva, toque da ressurreição, Te Deum, incêndio, agonia, fúnebres, festivos, de parto, posse de irmandade, de almas, de missas, Natal, ano-novo, das chagas ou morte do Senhor.

Sinos de São João del Rei encantam os turistas que visitam a cidade

Sinos de São João del Rei encantam os turistas que visitam a cidade

Veja alguns exemplos da Linguagem dos Sinos

Aviso de Missas

Meia hora antes da hora marcada para a celebração e quinze minutos também, é dado o toque no sino pequeno, em pancadas seguidas (18 ou mais). No final do toque de entrada, as pancadas espaçadas indicam quem será o celebrante:

  • 3 pancadas – o coadjutor
  • 4 pancadas – o vigário
  • 5 pancadas – o bispo
  • 7 pancadas – o arcebispo metropolitano

Chamadas de Irmãos

Para enterros ou procissões: 18 pancadas ou mais no sino grande – para eleições ou definitórios: 9 pancadas no sino grande, 1 hora, 30 minutos e 15 minutos antes do horário estabelecido.

Enterro de Irmãos

  • homens: 3 dobres e 1 pancada
  • mulheres: 2 dobres e 1 pancada
  • crianças (menos de 7 anos): repique festivo na hora do enterro
  • se o homem foi mesário, dobre na hora em que se tomou conhecimento do falecimento e na hora do enterro (3 dobres e 2 pancadas)
  • se a mulher foi mesária, dobre na hora em que ser tomou conhecimento do falecimento e na hora do enterro (2 dobres e 2 pancadas)
  • se o irmão prestou grandes serviços à Ordem ou Irmandade, dobres até de hora em hora, a critério da Mesa
  • falecimento do Papa: dobre de hora em hora em todas as igrejas
  • falecimento do Bispo: dobre de 3 em 3 horas
  • falecimento do Vigário: dobre de 4 em 4 horas
  • falecimento do Padre: 5 dobres

Incêndio

Rebate-pancadas no sino grande, seguido do médio, ligeiras com pequenos intervalos.

Semana Santa

Na quinta feira santa, depois do Glória da Missa de Instituição da Eucaristia até o Glória da Ressurreição, nenhum sino toca, seja qual for o motivo. Na Ressurreição tocam todos os sinos de todas as igrejas (toques festivos).

Chamada de Sineiro e Sacristão

3 pancadas no sino pequeno, espaçadas, diversas vezes até ser atendido. Mas este toque já está em desuso.

Fonte: Wikipédia e Férias Brasil

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. José Geraldo da Silva permalink
    31/07/2012 9:53 pm

    Gostei das informações

    • dminasturismo permalink*
      31/07/2012 10:11 pm

      Que bom que gostou do nosso post José e se não conhece ainda venha conhecer esta linda e importante cidade de Minas.

      Um abraço,

      Equipe D’Minas Turismo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: